Acabou-se a mama!

Antonov o Inclaudicante não podia acreditar no que os seus olhos viam. Foi um acaso que o levou a clicar no ícone "Penal", mesmo ao lado de "Anal Sluts" na barra dos favoritos. O que se preparava para ser um festim porno na casa de banho tornou-se um desfile de textos abjectos, pejados de calúnias, em que o visado era o seu mentor e pai espiritual Sergëi, o Sereníssimo.
Antonov sentiu o seu sangue ferver! Isto não iria ficar sem resposta. Ao levantar-se do assento da sanita (quase deixou cair o portátil) já tinha algo apropriado em mente...

Rumou àquilo que se assemelhava a um roupeiro, cuja porta deslizante reconheceu a identidade cromossómica da gota de sémen que Antonov depositou no orifício de recolha.

"Bem-vindo, ò Inclaudicante! Ohhh Siiii!!!" soou uma voz artificial num tom orgásmico e sincero como só uma estrela porno pode ter.

Um enorme salão se estendeu perante o olhar, resplandecente de avançados e variados instrumentos de destruição, tortura e humilhação.
Antonov não perdeu tempo a maravilhar-se, uma vez que era ele o dono e senhor daqueles domínios, Mestre Incontestado da Agressão.
Demorou-se apenas o necessário para escolher as peças mais indicadas para levar a cabo a sua vingança. Não se contentaria com vulgares armas de fogo ou mísseis nucleares tácticos; proporcionavam um alívio demasiado rápido e Antonov desejava prolongar o mais possível o suplício reservado àqueles que o ofenderam no seu íntimo...

Comentários

alphatocopherol disse…
Ai que começo a tremer de medo...
E de prazer... OH SIIIII!

Com a vingança de Antonov... O prazer acontece!
Chas. disse…
Estava a ver que não se soltava o bicho!!
Anónimo disse…
Bolas, estava para colocar um texto aqui na penal, mas agora vou pensar duas vezes!

Mensagens populares deste blogue

Super Homo - parte o 1º

Super Homo - Apre!

Acordar precoce e naturalmente...