Mensagens

A mostrar mensagens de Outubro, 2013

Crónicas de LÉ on HARD II (a gaita unida, para sempre será espremida...)

Aos poucos foi-se desinibindo... As aparições públicas tornaram-se mais frequentes. Lé on Hard tornou-se um poderoso ativista da causa nabónica, o estigma repetido que se tornou grito conhecido entre todos deixou de ser um problema... Mas o pesadelo daquela frase nunca deixou de o perseguir. Aliás sem a frase esta crónica idiota não tinha razão de ser.

Ora a noite de ontem voltou a ser de alarido. Coelhone foi a televisão púbica... Lé on Hard, por coincidência, ou nem por isso, passeava na sua TechnoBike Nabex 2000 pela zona oriente da cidade, rabo pousado no selim Prostatex Plus Vinil, mãos no guiador Punhetex e nabo devidamente acomodado no contentor aerodinâmico MegaPénix 50 cm, Salame Resguardado, cocos de fora que não há cá luxos, quando se deparou com a  confusão... Repórteres por todo o lado e uma grande manifestação do partido Enrabista com cânticos da ordem "Somos muitos, muitos mil, para rebentar o trombil". Arrumou a bicla, tirou o nabo do contentor, prendeu a cor…